Blog

Plantas para ambientes internos Posted abril 27, 2015

0

Excelentes itens decorativos, as plantas além de lindas, são capazes de transformar um ambiente com alegria e vida. É através da luz solar que elas produzem o próprio alimento, crescendo sadias e fortes. Mesmo em locais internos e com pouca iluminação, algumas plantas são capazes de florescer lindamente. São necessários apenas alguns cuidados que começam a partir da escolha da espécie. Veja alguns exemplos:

- Lança de São Jorge: essa planta deve ser mantida à meia sombra e regada em média a cada 15 dias. São resistentes e com folhas cilíndricas e verticais. Elas podem ser usadas para compor jardins de pedras e vasos em espaços internos.

- Violeta: com sua grande variedade de cores ela é uma planta muito decorativa. Pode ser cultivada em pequenos vasos e deve ficar exposta à luz indireta cerca de duas vezes na semana. É importante tomar cuidado para que a água não chegue até as folhas e flores.

- Lírio da Paz: como poucas, essa espécie consegue florescer na sombra, se adaptando muito bem em espaços internos. É necessário manter seu solo sempre úmido e adubado, evitando também contato direto com a luz do sol.

- Palmeira areca: ideal para seu cultivo em espaços fechados, sendo um dos tipos de palmeiras mais conhecidas. Mesmo havendo a possibilidade de serem expostas à luz direta, as folhas ficam mais bonitas se cultivadas à meia sombra. Não é recomendado deixar essa espécie em ambientes com ar condicionado.

- Antúrio: com flores belas, essa espécie é muito usada em decoração, sendo que nas áreas internas é recomendado cultivar em vasos e à meia sombra.

- Jiboia: uma das poucas espécies de trepadeiras que podem ser cultivadas em espaços fechados. A jiboia cresce apoiada em xaxins ou outras plantas com folhas coloridas e folhas verdes e pequenas. Precisa ser regada frequentemente deixando assim, a flor sempre úmida.

- Bromélia: seus tons de vermelho contrastam com o verde das folhas, sendo usada para decorar interiores. Elas precisam de uma claridade indireta e regadas a cada dois dias.

- Begônia: com folhas coloridas e formatos variados é um destaque para ambientes internos. A terra para ser cultivada deve ser bem fértil. A begônia precisa ser mantida em locais protegidos contra a luz solar, o frio e o vento.

- Jade: quando floresce apresenta uma bela cor verde azulada. É uma espécie fácil de cuidar e precisa receber luz solar direta por pelo menos um período do dia. Adapta-se aos solos que não sejam muito úmidos.

- Rosa de pedra: seu formato é parecido como o de uma rosa. É considerada uma planta suculenta, pois suas folhas e caules armazenam água. Tolerante ao sol, a rosa de pedra deve receber água uma vez por semana.

0

Seja como hobby, como esporte ou apenas por diversão, pescar acaba sendo uma verdadeira terapia para muitas pessoas.  Passar o dia realizando essa atividade pode ser muito prazeroso, e por isso, separamos algumas dicas para você curtir sua pescaria:

- Óculos escuros e bonés são acessórios fundamentais para se proteger do sol. Uma cadeira ou um banquinho dão mais conforto. É importante saber as espécies encontradas no local, pois cada uma exige um tipo de isca correta e até mesmo horários específicos.

- Algumas vezes o calor forte de meio dia e a claridade, pode fazer com que os peixes nadem mais fundo. Dias nublados também são ótimos para a pescaria.  Existe até mesmo quem prefira pescar durante a noite, pois o pouco movimento faz com que os peixes fiquem mais perto da margem.

- Os peixes de tamanhos maiores são mais desconfiados, por esse motivo podem demorar um pouco mais para subir. A dica é atrair os pequenos e aguardar um pouco mais de tempo para lançar a isca.

- As rações de outros bichinhos como gato e cachorro servem também para os peixes.  Faça um pequeno furo para facilitar no anzol, passando mais ou menos duas ou três iscas e travando a saída, fixando outra na ponta do anzol. A ração precisa ficar na água cerca de três minutos para amolecer.

- Existe uma enorme variedade de massas para diversas espécies e gostos dos peixes. É preciso apenas moldar para o tamanho desejado. Existem algumas massas que precisa apenas misturar um pouco de água para dar liga.

- Para retirar o peixe da água é preciso usar uma espécie de rede. Caso o peixe precise der devolvido para a água, é preciso tomar muito cuidado ao manuseá-lo e no menor tempo possível.

- Um item indispensável é o alicate trava peixe e um bico para retirar o anzol da boca do peixe. Para saber o peso é necessário ter em mãos o alicate de contenção com balança, lembrando que não deve ser utilizado em peixes com bocas frágeis, como exemplo as carpas.

0

Há inúmeras brincadeiras que as crianças podem realizar para se divertir. Mas afinal, quais poderiam proporcionar benefícios a sua saúde?

O simples fato de diminuir o tempo diante a TV, vídeo game e computador, diminui os riscos de futuramente desenvolver problemas como obesidade e falta de concentração. O que pode ser notado que as brincadeiras realizadas atualmente pelas crianças são em parquinhos de concreto, apartamentos e shopping.

Portanto, o contato com a natureza na infância é de extrema importância, pois é necessário deixar que as crianças brinquem ao ar livre espontaneamente, toquem nas plantas e desenvolvam sua criatividade. É uma oportunidade de convívio com familiares e novos amigos que oferecem bem estar a todos.

Não basta passear ao parque com pressa de voltar para casa. O tempo é precioso e deve ser aproveitado todos os momentos, ainda mais quando a correria do dia a dia dificulta esta ocasião com a natureza e em família.

As crianças além de ficarem soltas, relaxam, deixam rolar a imaginação e recebem toda energia dos elementos que estão envolvidos na natureza. Brincar ao ar livre enriquece a vida, sem medo de se sujar, e recebe uma ótima herança para se repassada adiante.

Receita de bacalhau de forno Posted março 31, 2015

0

A Páscoa está chegando e, para comemorar esta data especial, nada melhor do que reunir a família à mesa e fazer uma deliciosa receita com bacalhau. Confira essa deliciosa receita:

INGREDIENTES

1 posta de bacalhau (parte central ou filé)

4 dentes de alho

1 cebola grande

4 batatas grandes

Azeite a gosto

200 g de azeitonas pretas com caroço

 

MODO DE PREPARO

Escalde a posta de bacalhau até ficar bem macia, escorra a água e reserve

Cozinhe as batatas sem casca em rodelas grossas e reserve

Em uma travessa (de preferência de barro) coloque um pouco de azeite

Coloque as batatas espalhadas, formando uma camada

Coloque a cebola cortada em rodelas finas formando outra camada

Corte o alho também em rodelas finas e coloque metade espalhando sobre essas camadas

Coloque então a posta de bacalhau, e espalhe a outra metade do alho por cima e ao lado da posta

Por último, espalhe as azeitonas por todo o prato e regue com muito azeite

Leve ao forno bem quente e quando o bacalhau estiver dourado está pronto

0

A meditação da a sensação de bem estar e aumenta a imunidade do organismo, além da pessoa conseguir lidar melhor com o estresse.  Na meditação você procura estar plenamente consciente e presente em cada momento vivido, sentindo corpo e ambiente onde se encontra, sem se perder nos pensamentos.  A mente se torna mais delicada e renovada. Com a prática regular de meditação, conseguimos:

– Diminuir a ansiedade

– Aumentar a estabilidade emocional

– Aumentar a criatividade

– Aumentar a alegria

– Desenvolver a intuição

– Ganhar mais clareza e paz na mente

– Os problemas se tornam pequenos

– Aguça a mente através do ganho de foco e a expande através do relaxamento

Para experimentar os benefícios da meditação, é necessária a prática regular. Apenas alguns minutos todos os dias são suficientes. Uma vez integrada na rotina diária, a meditação se torna a melhor parte do seu dia! Que tal fazer essa prática também em um final de semana na Fazenda das 100 Árvores?

Receita de Bolo de Milho Posted março 17, 2015

0

Papel e caneta na mão para anotar essa receita deliciosa e extremamente fácil de fazer:

Ingredientes:

1 lata de milho verde com água e tudo

1/2 lata da mesma de óleo

1 lata da mesma de açúcar

1/2 lata da mesma de fubá

4 ovos

2 colheres bem cheias de farinha de trigo

2 colheres de coco ralado

1 colher e 1/2 de chá bem cheia de fermento em pó

 

MODO DE PREPARO

1- Bata bastante todos os ingredientes no liquidificador, depois bem batido acrescente o coco ralado e o fermento e misture, coloque para assar

2 – Pode colocar na forma redonda de buraco e na quadrada

3 – O tempo de preparo na redonda é mais rápido, mas a receita fica menor, para aumentar faça 2 vezes

4 – O bolo fica parecendo pamonha, bem cremoso, fica uma delicia!

 

0

Um grande desafio para os consumidores é escolher frutas e verduras de boa qualidade. As dicas para essa decisão são sempre bem vindas, anote:

- Visual: ao escolher as suas frutas e verduras é preciso verificar se não existem partes amolecidas, mofadas ou com manchas. As cores precisam ser uniformes e sem alterações, também é preciso tomar cuidado com as perfurações e partes enrugadas. O visual bonito do produto conta muito para a qualidade do mesmo.

 – Timing: uma boa dica é sempre ficar informado de legumes e frutas da estação. Dessa maneira o produto irá se adaptar melhor aos seus cuidados. Eles são mais econômicos e conserva melhor o ambiente.

- Armazenamento hortaliças: se o produto for guardado fora da geladeira, eles devem ser mantidos com a parte inferior da planta (talos e caules) em um recipiente com água ou em um saco plástico aberto. Essas duas técnicas terão eficácia se forem realizadas em local bem fresco.

- Armazenamento frutas: elas devem ser guardadas com casca e sem lavar, pois no processo de lavagem podem ocorrer danos com as mesmas, sendo uma porta de entrada para as doenças.

- Pense no próximo: selecione os produtos com seus olhos e não com as mãos. Assim, eles não ficam amassados ou perfurados.  É preciso ter cuidado ao manusear esses alimentos.

0

Que tal espantar o calor e ainda conseguir economizar água e energia?

- A troca de ar-condicionado pelo ventilador: é uma solução ótima para espantar o calor nos dias mais quentes, sendo muito confortável e agradável, mas com um consumo de energia muito alto. Esse aparelho gasta em média 120 a 240 kWh por mês de energia. Já os ventiladores que também ajudam e muito nesses dias de valor intenso, costumam gastar em média 28 kWh nos aparelhos de teto e 15 kWh em aparelhos de chão.

- Transformar ventilador em ar condicionado: basta colocar água gelada ou apenas pedras de gelo dentro de uma garrafa e amarrar em frente ao ventilador, o ventinho sai gostoso e gelado. Quando a água derreter é possível aproveitar e fazer gelo novamente.

- Consumir alimentos frescos: vegetais e frutas fresquinhas e geladas ajudam muito na hora de se refrescar, pois ajudam a manter o corpo hidratado além de ser uma delícia. Muito melhor do que optar por alimentos muito pesados.

- Aquecimento do chuveiro desligado: banhos frios são ideais para dar uma refrescada no corpo, além de economizar muita energia, pois um chuveiro elétrico consome de 40 kWh a 120 kWh por mês, dependendo da potência.

- Garrafa com spray: tomar vários banhos ao dia pode ser uma boa alternativa, mas economizar água é fundamental! Basta ter uma garrafa com spray na ponta ou borrifador, refresque-se do calor com elas. Borrifadas no rosto durante o dia, ajuda a espantar o calor e vencer os dias mais quentes.

- Janelas e portas sempre abertas: aproveite a ventilação natural ao seu favor nos dias de calor. Deixe o vento circular dentro de casa. Janela aberta durante o banho é interessante.

- Toalhas úmidas ao dormir: uma das tarefas mais difíceis nos dias quentes é dormir. Uma alternativa é dormir com toalhas úmidas em cima do corpo, elas irão secar ao longo da noite e refrescar.

O uso correto do protetor solar Posted fevereiro 1, 2015

0

Aplicar protetor solar corretamente pode não parecer tão fácil assim. Existem vários cuidados importantes, como a escolha do produto e até a reaplicação do mesmo.

Confira as dicas e aproveite os dias quentes sem descuidar da sua saúde:

- Textura do protetor: existem diversas texturas deles, como por exemplo, mousse, spray, creme ou gel, escolha o que mais se adapta com sua pele.

-  Escolha do FPS: esse número corresponde a quantas vezes a mais sua pele está protegida do sol. O fator de proteção médio ideal é de 30, mas antes disso é necessário conhecer o seu tipo de pele. Quanto mais clara, maior a proteção.

- Quantidade: para prevenir os efeitos dolosos do sol, a quantidade certa de protetor deve ser de 2 mg/cm², que é correspondente 40 ml para uma pessoa de mais ou menos 70kg.

- Espalhar: cada tipo de protetor deve ser espalhado de uma determinada maneira, o ideal é acompanhar as instruções em cada embalagem.

Como economizar energia em casa Posted janeiro 21, 2015

0

Veja algumas dicas fáceis para ajudar na economia dentro de casa:

– Lâmpada fluorescente: são mais caras que as incandescentes, mas também são as mais indicadas para utilizar em casa. Dura oito vezes mais do que as outras e consome menos energia.  É preciso cuidado e atenção ao descartá-la, pois o conteúdo interior (mercúrio) é nocivo à saúde.

– Stand – by: os aparelhos em moda espera ( stand – by) devem ser evitados. É preciso retirar da tomada sempre que não tiver utilizando.

– Benjamin: o uso de vários aparelhos em uma mesma tomada pode causar um aquecimento aumentando assim as perdas elétricas.

– Chuveiro elétrico: é um dos aparelhos que mais consome energia, a dica é tentar evitar utilizá-lo em horários de pico, como das 18h até 21h quando o uso da carga de energia é maior.

–  Geladeira: também é um dos maiores consumidores de energia. Jamais deve secar peças de roupas na parte de traseira da mesma. Deve ser descongelada regularmente para evitar camadas de gelo que aumentem o consumo de energia.

– Iluminação interna: cores claras nas paredes ajudam na hora de ter economia de energia, pois refletem melhor a luz, diminuindo a necessidade de lâmpadas.